A importância do médico-veterinário

Hoje, 9 de setembro, é considerado o Dia do Médico-Veterinário.

E é claro que o Pet Shop Júnior quer ressaltar a importância significativa desses profissionais na vida de cada dono que busca o melhor para a saúde e bem-estar de seus peludinhos, para a sociedade e, claro, para nossos amados pets.



O médico veterinário possui diversas áreas de atuação, já que trata-se de uma profissão ampla e necessária. Assim, é possível notar a importância desse profissional quando falamos sobre a posse responsável de cães, gatos e outros animais, uma vez que isso inclui o acompanhamento de um médico-veterinário para atender, tanto casos de emergência, quanto a rotina clínica dos bichinhos.



E não para por aí. Como dissemos anteriormente, o médico-veterinário é uma figura essencial para a saúde pública, desempenhando um importante papel na sociedade. Isso, porque o profissional tem a capacidade de estabelecer a profilaxia das doenças de animais transmissíveis ao homem - as chamadas zoonoses.

Por isso, também, a OMS (Organização Mundial da Saúde) ressalta a importância da participação do médico-veterinário no planejamento e na avaliação de medidas preventivas e de controle adotadas pelas equipes de Saúde Pública.

E a contribuição desses profissionais para a sociedade ainda vai além: o médico-veterinário tem muitas ações importantes como e valiosas, como  a cirurgia veterinária, a clínica veterinária, veterinária preventiva e até mesmo na produção de alimentos, no campo, no frigorífico, além de atuar em diversas pesquisas.



Também são eles que são capazes de garantir um dia-a-dia tranquilo para nossos animais, já que eles orientam o cotidiano e a rotina dos pets, trocando informações com seus donos, explicando sobre as necessidades de cada peludinho e até mesmo exercendo um olhar clínico sobre as características dos bichinhos, de forma a cuidar para que, com acompanhamento e consultas, os pets tenham um cotidiano saudável e feliz.



Esses profissionais conseguem enxergar cada animalzinho como seres individuais, cuidando, de forma adequada, de suas necessidades particulares e únicas, levando em consideração fatores como idade e espécie.

Outros fatores essenciais fazem parte da rotina de um médico-veterinário, como vacinações, exames preventivos de rotina, vermifugações, cuidado com o controle de ectoparasitas (os carrapatos e pulgas), atendimentos regulares e indispensáveis, e a orientação a respeito de zoonoses, como a leishmaniose, raiva e leptospirose.

 

E além de tudo isso, é esse o profissional que deve ser buscado sempre que você tiver dúvidas. O médico-veterinário sempre será a mais correta e segura fonte de informação e sempre saberá o melhor para seu pet.

Conte sempre com esse profissional para consultas de rotina, acompanhamentos, cirurgias, tratamentos e indicação de medicamentos.

Valorize essa profissão que faz sempre o possível para que nossos animaizinhos esbanjem alegria e bem-estar por aí!