Saiba como cuidar da saúde dos ouvidos de seu peludinho

Muitos peludinhos sofrem com doenças no ouvido e entre os principais motivos desse problema recorrente estão a falta de higiene e o excesso de pelos, que causam o acúmulo de cerúmen e criam um ambiente propício para o desenvolvimento de bactérias, parasitas e fungos.

Mas não precisa se desesperar. Algumas dicas podem te ajudar a garantir a saúde dos ouvidos de seu pet e evitar o sofrimento de seu peludinho. Confira:

Na hora do banho, evite a entrada de água no ouvido. 

Após o banho, é importante secar muito bem a área.

Use produtos específicos para a limpeza do ouvido dos bichinhos. Eles devem conter componentes que evitem a multiplicação de microrganismos, como por exemplo aloe vera, cúrcuma e calêndula.

Atenção: a higienização deve ser feita apenas na parte externa do ouvido. Por isso, não utilize cotonetes ou pinças. Esses materiais podem causar danos ao animal.

Também é muito importante evitar que os pelos presentes na parte interna fiquem muito longos. No entanto, lembre-se de que os pelos protegem os ouvidos e, por isso, só devem ser cortados com tesoura se atrapalham a saída da cera.

Faça a limpeza do ouvido de seu pet quinzenalmente, ou de acordo com a indicação do seu veterinário.

Ficar atento aos sinais também é muito importante para detectar o problema com antecedência. Fique de olho se seu bichinho apresenta coceira, dor e secreção nas orelhas, desequilíbrio e cabeça torta ao caminhar.

Além disso, jamais deixe para averiguar o problema depois. É essencial detectar a otite precocemente, pois ela pode ser uma manifestação de alergias e até mesmo de câncer.

Por fim, vale ressaltar que algumas raças possuem mais predisposição a esse tipo de inflamação, como os cães golden retriever, shih tzu, lhasa apso, pug e gatos persas.

Lembre-se dessas dicas e cuide bem de seu peludinho. Não se esqueça de contar com o Pet Shop Júnior para garantir a segurança dos banhos e os melhores remédios para cuidar de seu amigão!